Grande Hotel Canela faz 100 anos com a Família Corrêa no comando

grande-hotel-canela04

Foto divulgação

O Grande Hotel Canela está completando 100 anos na arte de receber e hospedar visitantes. O estabelecimento – que iniciou na casa da família fundadora e depois se transformou num prédio de madeira com varanda onde os hóspedes se encontravam para conversar observando a paisagem – é o único hotel no Brasil que se mantém administrado pela mesma família, no caso o fundador Coronel João Corrêa Ferreira da Silva, o mesmo da praça principal de Canela, na verdade um dos fundadores da cidade que só tem 72 anos. Portanto, a prática do turismo, o na época chamado veraneio, começou bem antes de a cidade nascer, graças à beleza e ar puro da região. Neste final de semana – dias 25 e 26 de novembro de 2016 – a Orquestra jovens da Sonarte Company, fará apresentações no Grande Hotel, ainda por conta dos 100 anos de atividades.

Vista de uma das janelas da sala de estar

Vista de uma das janelas da sala de estar nos dias atuais

            Durante a 28ª edição do Festuris de Gramado os atuais administradores do Grande Hotel, entre esses, José Agnelo, Camila, Maria Luiza e Régis Corrêa, descendentes da família fundadora, levaram ao mundo do turismo a bonita história da trajetória do hotel que começou, na verdade, na casa do pioneiro João Corrêa. Foi lançado o livro Uma História de Canela, cuja obra resgata através de imagens, acervos históricos, depoimentos e ensaios desenvolvidos por escritores uma parte da história da região, evidenciando o estabelecimento como Patrimônio Cultural. O capítulo referente ao Grande Hotel ficou por conta do jornalista e escritor gaúcho Eduardo Bueno. Já a parte sobre a família, que permanece até os dias de hoje na administração do hotel, tem introdução da romancista gaúcha Letícia Wierzchowski, conhecida por seu livro A Casa das Sete Mulheres, entre outros. A coordenação editorial ficou a cargo da jornalista Liliana Reid. O livro – que versa sobre a história de Canela, a estrada de Ferro erguida por João Corrêa, e ainda sobre a família Corrêa – pode ser adquirido no Grande Hotel.

A terceira geração José Agnelo, Camila, Maria Luiza e Régis Corrêa

A terceira geração José Agnelo, Camila, Maria Luiza e Régis Corrêa

            O Centenário do Grande Hotel Canela foi homenageado no stand do Festuris com apresentação de musica erudita da orquestra de jovens da Sonarte Company sob a regência do maestro Mauro Gomes. Como parte das comemorações a orquestra fará duas apresentações no Grande Hotel Canela nos dias 25 e 26 deste mês de novembro de 2016 do Oratório de Natal, “The Prayer”.

correa-grande-hotel

museuEstande do Grande Hotel recebe visitas para ver o museu

Estande do Grande Hotel recebe amigos, como Jaime de Oliveira, gerente geral do Hotel Laje de Pedra. Pequena mostra do museu

museu-grande-hotel-canela

De um dos antigos prédios de madeira, hoje transformado em Museu, o hotel oferece, na atualidade, três categorias diferentes de acomodação: chalés no meio do verde e apartamentos luxo e super luxo com vista para a paisagem magnífica que pode ser o lago ou o parque do hotel, cuja vegetação é composta por araucárias, caneleiras, hortênsias e outras plantas nativas. O Grande Hotel conta com uma estrutura completa, quadras de esporte, áreas de lazer, playground, academia, piscina, sauna, trilhas ecológicas, além de uma estrutura completa para eventos corporativos e sociais. Localizado em meio a um parque natural com 85 mil metros quadrados de área verde, bem no centro de Canela.

A cascata do Caracol é um dos símbolos de Canela

A Cascata do Caracol é um dos símbolos de Canela

Muita animação pelos 100 anos

Muita animação pelos 100 anos

Todos os eventos de Canela tem a João Corrêa como referência

Praça João Corrêa é referência para tudo. Ali ocorrem os grandes eventos de Canela.

Importante na trajetória do hotel é que a cidade cresceu em seu entorno, seja do ponto de vista de formar uma aglomeração urbana ou, ainda, disponibilizar atrações para o turismo. Canela atualmente é um dos principais destinos turísticos do Brasil oferecendo aos visitantes 28 atrativos naturais e temáticos, seis mil leitos e movimentando mais de três milhões de visitantes ao ano gerando uma economia que sustenta milhares de famílias que trabalham no setor direta ou indiretamente.

Lvro fala sobre os fundadores e atrativos de Canela, como o Castelinho, da Família Franzen

Livro relata sobre os fundadores e atrativos de Canela, como o Castelinho, da família Franzen

castelinho-museu

Você pode gostar...